O seu processo pode estar travado por falta de Peritos, te explico tudo

Por que o seu processo está travado?

Introdução

Olá! Neste blog, vamos discutir um tema muito relevante para aqueles que têm um processo parado na justiça de aposentadoria. Muitas vezes, esses processos dependem de perícia e acabam ficando travados, sem avançar. Mas por que será que isso acontece? Neste artigo, vamos explorar essa questão e explicar como destravar o seu processo. Leia até o final para descobrir algumas dicas valiosas. Vamos lá!

A falta de peritos disponíveis

Um dos principais motivos para um processo de aposentadoria ficar parado é a falta de peritos disponíveis para realizarem as perícias necessárias. Infelizmente, são poucos os peritos que aceitam trabalhar sobre o amparo da justiça gratuita. Isso ocorre porque os honorários previstos na tabela do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) são muito baixos em relação ao valor de mercado.

Essa discrepância entre os honorários oferecidos pelo Estado e o valor estipulado pelo próprio mercado desestimula muitos peritos a atuarem nessa área. Afinal, é difícil justificar o trabalho árduo de um médico ou engenheiro, por exemplo, sendo remunerado com um valor tão baixo.

Além disso, é importante ressaltar que o perito só recebe o pagamento ao final do processo, o que também desencoraja muitos profissionais a aceitarem esses casos. Essa demora na remuneração pode ser bastante prejudicial, tanto para o perito quanto para o andamento do processo.

O desafio de destravar o processo

Agora, vamos ao desafio proposto neste artigo: como destravar o seu processo? Uma opção é abdicar da justiça gratuita e solicitar a nomeação de um perito, apresentando uma proposta de honorários condizente com o mercado. Nesse caso, você, como autor do processo, iria arcar com os custos da perícia.

É importante destacar que essa abordagem pode acelerar o processo, pois o perito estará motivado a trabalhar e receberá 50% dos honorários antecipadamente. Após entregar o laudo, ele receberá o restante. Essa forma de pagamento é muito mais atrativa para os peritos e pode agilizar o andamento do processo.

No entanto, se você não possui recursos financeiros para cobrir os custos da perícia, pode ser necessário aguardar a nomeação de um perito que aceite trabalhar com justiça gratuita. Essa espera pode ser demorada, já que são poucos os profissionais dispostos a atuarem nessas condições.

O papel do advogado

Para destravar o seu processo, é fundamental contar com a orientação de um advogado especializado. Ele poderá solicitar ao juiz a nomeação de um perito que apresente uma proposta de honorários condizente com o mercado. Dessa forma, você terá a chance de analisar se tem condições de arcar com esses custos.

É importante destacar que essa abordagem pode ser bem vista pelo juiz, uma vez que ele sabe das dificuldades enfrentadas pelos peritos que atuam com justiça gratuita. Ao demonstrar interesse em pagar um valor justo pelo trabalho, você aumenta as chances de ter a perícia realizada o mais rápido possível.

Conclusão

Em resumo, os processos de aposentadoria podem ficar travados devido à falta de peritos disponíveis e interessados em trabalhar com justiça gratuita. Para destravar o seu processo, é importante considerar a possibilidade de pagar um valor justo pelos serviços do perito. Essa abordagem pode acelerar o andamento do processo e garantir que você receba o suporte necessário. Lembre-se de contar com o auxílio de um advogado especializado para tomar as melhores decisões ao longo do processo.

Agradecemos por ler este blog e esperamos que as informações apresentadas tenham sido úteis para você. Se gostou do conteúdo, não deixe de compartilhar em suas redes sociais e se inscrever em nosso canal. Fique à vontade para deixar seu comentário abaixo, compartilhando a cidade de onde está assistindo este vídeo. Se você é perito ou gostaria de se tornar um, não deixe de participar de nossos grupos no WhatsApp e Telegram. Além disso, aproveite para conhecer nosso banco de peritos e cadastrar seu cartão de visitas online gratuitamente. Por fim, não deixe de conferir nossa calculadora de honorários periciais, uma ferramenta que pode auxiliar você na elaboração de propostas e cálculos. Até a próxima!

Made with VideoToBlog

Links importantes

Nosso canal: https://www.youtube.com/@PericiaJudicial
Nossos grupos: https://fala.host/grupos
Laudos e artigos: https://periciajudicial.zsistemas.com.br
Cartão de visitas: https://fala.host/C/Perito
Calculadora de honorários online: https://fala.host/calculadoradehonorarios
Cadastre-se em nosso Banco de Peritos:
https://fala.host/bancodeperitos
5 Passos de como se tornar um Perito Judicial: https://periciajudicial.zsistemas.com.br/index.php/2023/09/27/5-cinco-passos-para-se-tornar-um-perito-judicial
Crie o seu cartão de visitas virtual grátis:
https://fala.host/cartao
#periciajudicial #periciaextrajudicial #pericia #peritos #objetopericial #investigação #assistentetécnico #CREA #NBR #abnt #engenharia #engenheiro